segunda-feira, 19 de novembro de 2012

A Semana do Aniversário (Crônica)

Tem gente que diz por aí que começa um tal de "Inferno Astral" exatamente um mês antes do aniversário. Posso dizer que isso não passa de crendice, pois quando a mente está tranquila e não ficamos com essa bobagem pairando os pensamentos, a vida segue normal. Esse ano, o tal período está mais pra "Paraíso Astral". Está tudo correndo razoavelmente bem, os problemas são corriqueiros, bem diferente do ano passado, em que eu era o próprio "Inferno Astral". Brinquei com minha filha e tivemos momentos de conversa, meu filho está cada vez mais meu parceiro... Até compus duas canções, coisa que não fazia há muito tempo. Fazendo um balanço de como eu estava em 2011 nesta mesma época, nossa, quanta diferença. Sinto-me livre, leve e com aquela sensação de que "as coisas vão melhorar", e estão melhorando, faz algum tempo. 

Estou na semana do meu aniversário de 35 anos, vividos com dignidade em boa parte desse tempo todo. Tive momentos de vilania em algumas passagens, que infelizmente não tenho como consertar. Prefiro pensar que posso ser melhor, que posso amadurecer. Eu acredito que o pensamento tem uma força que ainda não conseguimos medir. Sei que é muito poderoso. Eu tinha uma tendência derrotista pra tudo e era essa linha de pensamento que me levava a sempre estar à margem. Porém, mesmo derrotista, eu vencia, conquistava o que queria. Imagina agora com um pensamento vitorioso? O céu é o limite? Tomara...

A semana do meu aniversário está indo bem, apesar de hoje uma grande amiga e humanitária, Dra. Thelma Fraga, ter ido para o plano espiritual. Nós que aqui ficamos perdemos bastante, pois era um ser humano raro, mas meu entendimento sobre as coisas espirituais diz que ela está agora num lugar muito melhor que este. Assim como fará 7 anos, no dia 22 de Novembro, Dia do Músico, que minha avó Laudelina deixou este mundo, dois dias antes do meu aniversário. A saudade delas permanecerá até o momento que nos encontrarmos no outro lado, onde faremos festa!

Agradeço aos céus por hoje eu ter saúde física, mental e espiritual para desempenhar meu trabalho de músico. Agradeço aos meus terapeutas por me ajudarem a retomar o Norte da minha vida, pois eu estava muito perdido. Nada vai apagar o que fiz de bom ou de mau. Já me alegrei e colhi os bons frutos do bem e sofri as consequências do mal. Agora eu só quero ser melhor, só isso. Quero continuar fazendo minha vida algo da qual eu me orgulhe e possa orgulhar meus pais e filhos.

Agora, partindo pra próxima etapa... Que esse aniversário de 35 anos seja a confirmação de uma vida em evolução física, mental e espiritual. Que os sonhos que voltei a ter tomem forma e se realizem. Que eu não me desvie de novo e não permita que a depressão e o transtorno bipolar de humor arruínem minha vida e a de quem me rodeia. Sinto que vou vencer!

Beijo nas crianças,
MB